14 de jul de 2011

PMDB prepara pré-candidatos à Vereador(a) com Curso de Formação

 O PMDB de Canoas, inicia neste sábado16 a partir das 9h, em sua sede o 2° Curso de Preparação de Candidatos a vereadores(as) e Dirigentes Municipais.
O evento que contará com a participação de lideranças políticas locais, como os Secretários Ivo Lech e Marcio Afonso, Vereadores Mossini e Pateta, Dirigentes Mauro Guedes, Ademir Zanetti,Luis ThouguinhaThomé, Robson Medeiros e os Ex-Presidentes Zanettin e Antonio Ribeiro; diretório municipal e filiados que trabalharão com o tema “Juntos Somos Mais Fortes”, tema que vem sendo construído e é amplamente defendida pelos peemedebistas de Canoas, além deste tema, será debatido os diversos aspectos da atual conjuntura política e o papel do PMDB no cenário local.
O Presidente Marco Rosa ressalta a importância da realização desta etapa do programa Peemedebista de preparação dos candidatos e ressalta; “Temos o dever de nos esforçar para termos uma nominata completa e qualificada para vereador”, afirmou.
O Curso de Preparação dos Candidatos é preparado pela Fundação Ulysses Guimarães, ministrado por mediadores locais e a partir de 2006 passou a ser obrigação estatutária, as aulas estendem-se pelos dias 23 e 30/07 e 06/08 ainda em 13 e 20/08 teremos a parte de Dicção e Oratória, ministrado pela Fundação Ulysses Guimarães Nacional, com palestra proferida pelo professor Joel Maciel
Aula Inaugural:
16/07 Sábado Abertura 9h com a Executiva e Bancada de Vereadores Motivação: Vereador Mossini, Secretário Ivo Lech, Secretário Marcio Afonso, Empresário Robson Medeiros- Traga o chimarrão
16/07
Aula 1 - Política e Democracia. Poderes da República: Legislativo, Executivo e Judiciário.
Aula 2 - Organização do Estado Brasileiro. Instituições Políticas e Federalismo no Brasil. Mediador Douglas Angeli Cursando o 6° Semestre de História
Próximas Aulas,
23/07
Aula 3 - Princípios da Administração Pública. Políticas Públicas. Mediador Sec. Marcio Afonso Funcionário do Tesouro Estadual.
Aula 4 - Papel e Funções do Legislativo Municipal. Papel e Funções do Executivo Municipal. Mediador.: Vereador Cesar Mossini Formado em Direito
30/07
Aula 5 - Finanças Públicas do Brasil. Lei de Responsabilidade Fiscal. Mediador  DR. NELSON FAGUNDES-Advogado, Ex - Diretor da FDRH
Aula 6 - Legislação e Regras Eleitorais. Fidelidade partidária e Coligações Eleitorais; Mediador Marco Rosa Formado em Estudos Sociais com Extensão em Legislação Eleitoral

06/08
Aula 7 - Planejamento e Financiamento da Campanha Eleitoral. Marketing Político e Eleitoral, Exercício de Liderança, Marketing Político e Campanha Eleitoral; Mediador Cientista Político Saulo Gil

13/08 1ª Aula Curso de Dicção e Oratória  com Profº Joel Maciel
20/08 2ª e 3ª Aula

Divulgação PMDB Marco Rosa e Douglas Angeli

Eleições 2012: Ibsen afirma que as decisões locais devem ser respeitadas

Eleições 2012: Ibsen afirma que as decisões locais devem ser respeitadas
O PMDB anunciou na última quarta-feira, 6, que lançará candidaturas próprias em todos os municípios do País nas eleições de 2012. A divulgação da tese foi feita pelo presidente nacional da legenda, senador Valdir Raupp (RO), durante reunião da executiva com os 27 presidentes estaduais do partido. Segundo Raupp, a ideia é reforçar a base para os pleitos de 2012 e 2014. O presidente destacou o PMDB não poderá deixar de disputar as eleições municipais na cabeça de chapa. Raupp aproveitou o encontro para informar que será realizado no dia 15 de setembro um encontro nacional em Brasília para discutir as bandeiras do partido.
O presidente do PMDB do Rio Grande do Sul, Ibsen Pinheiro, que esteve em Brasília para o encontro, informou que o anúncio do Diretório Nacional deve ser interpretado como orientação geral. Ele defende que a legenda tenha o maior número possível de candidatos nos 496 municípios gaúchos, entretanto, ressalta que a definição sobre as candidaturas deve respeitar o resultado das convenções locais.
Ibsen usou como exemplo o caso de Porto Alegre, onde o partido mantém aliança com o PDT. “A aliança em Porto Alegre anda bem, porém, sua manutenção dependerá não apenas de nós, mas também dos nossos aliados”, exemplificou. Para Ibsen onde não for possível a cabeça de chapa, a legenda deverá estar coligada. Alertou, porém, que jamais o PMDB gaúcho aceitará a condição de aliança subordinada: “Neste caso teremos uma posição melhor: a oposição.”
Fonte.:http://www.pmdb-rs.org.br/scripts/publicacoes.php?id=16811&tipo=n Quinta-feira, 07 de julho de 2011 Atualizado Sexta-feira, 08 de julho de 2011 às 11:26:39

8 de jul de 2011

Carta 15- Eleições 2012

Edição número 250 http://www.pmdb-rs.org.br/fl_adm/newsletter_vis.php?id_news=489
Eleições 2012
Depois de participar do encontro do Diretório Nacional com os presidentes estaduais do PMDB nesta semana em Brasília – que anunciou candidatura própria em todos os municípios do País nas eleições de 2012 –, o líder da seção gaúcha, Ibsen Pinheiro, afirmou que a decisão no Rio Grande do Sul deverá respeitar o resultado das convenções locais. O presidente, que também é a favor da candidatura de cabeça de chapa no maior número de cidades possível, alerta, entretanto, que cada município deverá ter gerência sobre a sua conjuntura política. “Devemos interpretar o anúncio da executiva nacional como uma orientação geral”, destacou o presidente.
Subordinação jamais! Oposição, sim
O presidente Ibsen Pinheiro usou como exemplo o caso de Porto Alegre, onde o partido mantém aliança na prefeitura. “A aliança em Porto Alegre anda bem, porém, sua manutenção dependerá não apenas de nós, mas também dos nossos aliados”, exemplificou. Para Ibsen, onde não for possível a cabeça de chapa, a legenda deverá estar coligada. Advertiu, porém, que jamais o PMDB gaúcho aceitará a condição de aliança subordinada: “Neste caso teremos uma posição melhor: a oposição.” Entre outros líderes gaúchos que participaram do encontro em Brasília estão o ex-prefeito da Capital, José Fogaça, os deputados federais Alceu Moreira, Darcísio Perondi e Osmar Terra, e o presidente da FUG nacional, Eliseu Padilha.
Santa Cruz e Santa Maria
As cidades de Santa Cruz do Sul e Santa Maria serão, respectivamente, sede da 13ª e 14ª edição da série de encontros O PMDB que eu quero, um debate pela identidade partidária. Os eventos estão agendados para esta sexta-feira, 8, a partir das 19h, em Santa Cruz e, no sábado, 9, a partir das 9h, em Santa Maria. Juntos, os dois eventos reunirão correligionários de um total de 63 municípios gaúchos. Na sexta participam peemedebistas das coordenadorias regionais do Vale do Rio Pardo e do Centro Serra. No sábado, 9, será a vez do Centro do Estado, Quarta Colônia e Vale do Jaguari.
Royalties
A Juventude do PMDB/RS lançou nesta semana uma campanha pela divisão equânime dos royalties do Pré-sal. Os jovens do PMDB cobram, especialmente, uma posição do Governo Tarso Genro (PT) em relação ao tema. “Queremos saber se o governador do Rio Grande do Sul está do lado dos gaúchos nesta luta?”, questiona o presidente do núcleo, Rafael Braga. Jovens peemedebistas de todo o Estado estão recebendo da JPMDB/RS uma cota de adesivos temáticos para fortalecer a campanha em todo o território gaúcho.
Teleguiado
O deputado Gilberto Capoani afirmou nesta semana que a proposta do governador Tarso Genro (PT) para permitir a contratação de estrangeiros para funções públicas no governo gaúcho tem características de "um projeto teleguiado" e destinado para um cargo em comissão. Capoani observou que, tanto a Constituição Federal (artigo 37), assim como o estatuto dos Servidor Público do RS já permite aos estrangeiros serem funcionários públicos. "Mas por concurso público", ressaltou da tribuna, rechaçando as comparações com relação aos brasileiros que trabalham na iniciativa privada de outros países.

6 de jul de 2011

A JUVENTUDE DO PMDB lança campanha pela divisão dos royalties do Pré-sal

A Juventude do PMDB/RS lançou nesta semana uma campanha pela divisão equânime dos royalties do Pré-sal. Os jovens do PMDB cobram, especialmente, uma posição do Governo Tarso Genro (PT) em relação ao tema. “Queremos saber se o governador do Rio Grande do Sul está do lado dos gaúchos nesta luta?”, questiona o presidente do núcleo, Rafael Braga. Jovens peemedebistas de todo o Estado estão recebendo da JPMDB/RS uma cota de adesivos temáticos para fortalecer a campanha em todo o território gaúcho.

http://www.pmdb-rs.org.br/scripts/publicacoes.php?id=16797&tipo=n

5 de jul de 2011

MORTE DE ITAMAR FRANCO

Notícias - Veículo: Site Políbio Braga


Nota de Simon
O ex-presidente da República Itamar Franco pautou sua vida pública pela conduta ética e respeito aos princípios democráticos. Foi o criador e principal fiador do Plano Real, iniciativa corajosa que acabou com a inflação crônica e estabilizou a economia, lançando as bases para um círculo virtuoso de crescimento que perdura até hoje no país. No Senado, vinha atuando com dignidade e firmeza, contribuindo para resgatar o papel do Parlamento perante a sociedade e os demais poderes da República. Foi um exemplo de integridade, responsabilidade e austeridade na administração pública. Seu governo, o qual tive a honra de integrar como líder no Senado, ainda carece de um devido reconhecimento. Essa é uma tarefa para a História."
* Senador Pedro Simon (PMDB-RS)
http://www.pmdb-rs.org.br/



4 de jul de 2011

Em Julho, a partir do dia 16

CURSO PREPARATÓRIO PARA CANDIDATOS À VEREADORES, VICE-PREFEITOS, PREFEITOS  E A POSTULANTES DE CARGOS NO DIRETÓRIO E EXECUTIVA DO PMDB.


Realizado em parceria com professores da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Possui 7 aulas. O Curso Preparatório para Candidatos a vereador, vice-prefeito e prefeito tem o objetivo de preparar todos os candidatos para que eles possam, em todo o território nacional: deter o conhecimento das atribuições do cargo que postulam.
Aula 1 - Política e Democracia. Poderes da República: Legislativo, Executivo e Judiciário.

Aula 2 - Organização do Estado Brasileiro. Instituições Políticas e Federalismo no Brasi.
Aula 3 - Princípios da Administração Pública. Políticas Públicas.
Aula 4 - Papel e Funções do Legislativo Municipal. Papel e Funções do Executivo Municipal.
Aula 5 - Finanças Públicas do Brasil. Lei de Responsabilidade fiscal.
Aula 6 - Legislação e Regras Eleitorais. Fidelidade partidária e Coligações Eleitorais;
Aula 7 - Planejamento e Financiamento da Campanha Eleitoral. Marketing Político e Eleitoral, Exercício de Liderança, Marketing Político e Campanha Eleitoral;
**Este 1° Módulo Possui 7 aulas, com carga horária de 25 horas.
Curso de Dicção e Oratória




O Curso de Dicção e Oratória:

 A Arte de Falar em Público atende a solicitações de diversos usuários do Programa de Formação Política e foi desenvolvido pelos Professores Joel Maciel e Paulo Ricardo de Oliveira, e poderá ser ministrado em complemento aos demais cursos oferecidos pela Fundação.O curso de alto impacto visa desenvolver competências necessárias para que indivíduo fale em público. Algumas pessoas falam muito e dizem pouco, outras falam pouco, mas dizem muito. Um orador corre o risco de se enrolar no próprio discurso e perder o rumo da fala. O curso apresenta técnicas para a elaboração de um bom discurso, que como uma boa refeição precisa ser balanceada para nutrir a fome de saberes com seus conteúdos. Deve compor inteligência e leveza com alento.


Em Agosto




Curso para Gestores Públicos Municipais - Módulo I , II  e III


Previsto para Agosto as aulas do Curso para Gestores Públicos Municipais - Módulo I
Realizado em parceria com o Instituto Brasileiro de Administração Municipal. Dividido em 3 Módulos. O Curso para Gestores Públicos Municipais visa proporcionar a atualização e o aperfeiçoamento dos gestores dos poderes legislativo e executivo, desenvolvendo competências necessárias ao desempenho de suas funções governativas e para o pleno exercício da cidadania. É focado prioritariamente nos agentes políticos pré candidatos e assessorias e deve ser cursado pelos secretários de governo, assessorias, lideranças partidárias e integrantes da comunidade.

Novo líder do governo no Congresso, Mendes Ribeiro Filho, quer buscar o diálogo

Agência Câmara 03 de Julho de 2011 • 11h18 http://pmdb.org.br/entrevistas.php?cd=6134 - Foto Divulgação




Brasília (DF) - Escolhido pela presidente Dilma Rousseff como novo líder do governo no Congresso Nacional, o deputado Mendes Ribeiro Filho (RS) elegeu como sua principal missão ouvir e buscar o entendimento. Segundo o parlamentar, a presidente pediu a ele que trabalhe muito e tenha paciência. Ele ressaltou que a questão das emendas parlamentares está superada e que, em relação ao Orçamento, vai se empenhar para “não atrapalhar”.
O deputado afirmou ter dúvidas sobre os efeitos que pode produzir a regulamentação da Emenda 29 e disse ser contrário a se colocar em votação “alguma coisa que possa vir a ser rejeitada”.
O anúncio de que Mendes Ribeiro ocupará a liderança do governo no Congresso foi feito pela Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República na tarde da última sexta-feira (1). O cargo estava vago desde o início do atual governo.


Após a confirmação da escolha, o líder do PMDB, deputado Henrique Eduardo Alves (RN), divulgou nota afirmando que o convite ao deputado Mendes Ribeiro “revela e reforça uma aliança partidária que veio para vencer e avançar”, consolidando, as “relações institucionais e políticas".
Perfil - Jorge Alberto Portanova Mendes Ribeiro Filho nasceu em 27 de dezembro de 1954, em Porto Alegre. O parlamentar ingressou na vida pública em 1974, como militante do MDB, formou-se em Direito e foi eleito vereador em Porto Alegre em 1982. Foi deputado estadual nas legislaturas de 1986 a 1990 e de 1991 a 1994.
Mendes Ribeiro Filho exerce o quinto mandato consecutivo na Câmara dos Deputados e ocupava a 1ª vice-liderança do PMDB. Em 2008, assumiu a presidência da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização do Congresso. No Executivo estadual, foi titular das secretarias da Justiça (1983 a 1984), de Obras Públicas, Saneamento e Habitação (1994-1996) e chefe da Casa Civil (1996-1998).
Atualmente, integra a Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania e as comissões que tratam das reformas da Previdência, Tributária e do Judiciário.
Confira a entrevista do deputado Mendes Ribeiro Filho à Agência Câmara.
Agência Câmara - O governo anunciou nesta semana a prorrogação, até o fim de setembro, do decreto dos restos a pagar referentes ao Orçamento de 2009. A possibilidade de não prorrogar esse prazo causava um mal-estar na base aliada e a ameaça de paralisar as votações na Câmara e no Senado. O senhor acredita que esse era o principal entrave nas relações entre o Congresso e o Executivo?
Mendes Ribeiro Filho - Isso é passado, é preciso olhar para frente. Cada dia com a sua agonia. Se a gente pensa na dificuldade não sai dela. Isso já passou. Agora é preciso pensar no desarmamento de espírito e na capacidade que eu preciso ter de ouvir, de ter paciência e humildade e de construir o clima necessário para o País poder continuar se desenvolvendo. É preciso construir o bom, e é o que eu espero. Quando começa uma partida de futebol nunca se pode pensar que vai perder, senão não vai ganhar. Eu quero ganhar sempre e a gente só ganha quando os outros ganham.


Agência Câmara – Que papel o líder do governo tem a desempenhar para garantir o bom andamento dos trabalhos legislativos? Como foi a conversa com a presidente Dilma? Que orientações ela deu ao senhor?
Mendes Ribeiro Filho - Paciência, a presidente sabe que eu não tenho muita paciência, então ela me pediu para ter, porque há uma obra enorme a fazer. Eu vou conversar com os demais líderes, com os líderes das bancadas estaduais. As coisas começam nos estados, nos municípios; eu comecei como vereador, sei o que as coisas representam nos municípios para o cidadão. Quando o vereador fala, fala a cidade e temos de estar do lado daquilo que pensam as cidades, os estados e a classe política a partir de suas representações.

Agência Câmara - A disputa pelo cargo de líder expôs, mais uma vez, as fissuras na relação entre o PT e o PMDB, e entre o PMDB da Câmara e o do Senado. Essa briga por espaço não prejudica as votações no Congresso e, no fim das contas, o próprio Executivo nas matérias doe seu interesse? Como o senhor espera administrar isso?
Mendes Ribeiro Filho - Quem não briga por espaço? Até os filhos brigam por espaço entre pai e mãe. Disputar espaço é próprio do ser humano, mas isso não pode prejudicar o clima que temos de buscar para as coisas poderem acontecer. Essa vai ser a minha grande missão. Vou administrar isso tendo toda a paciência e humildade possível de querer aprender com todo o mundo e vou trabalhar muito. Mas não podem querer de mim mais do que isso: ouvir, ter humildade e trabalhar.


Agência Câmara - Nos próximos dias, o Congresso deverá se reunir para votar o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2012. O parecer do relator, deputado Márcio Reinaldo Moreira (PP-MG), prevê que as emendas individuais poderão ficar livres de contingenciamento. Além disso, terão prioridade na execução, como já acontece com os projetos do PAC. Como o governo vê essa novidade na LDO?
Mendes Ribeiro Filho - Eu não posso falar sobre o que eu não vi ainda. Ainda vou conversar com as assessorias de Orçamento do Senado e da Câmara, com os líderes que estão negociando esta matéria, sobre o trabalho que vem sendo desenvolvido. Vou conversar com o relator e, depois disso, vou ver o que posso não atrapalhar e depois vou ver no que eu posso ajudar.

Agência Câmara - Com relação aos temas que estão na pauta de discussão, como a Emenda 29 e a PEC 300 [sobre o piso salarial dos policiais], qual a sua posição?
Mendes Ribeiro Filho - Eu sou muito mais da prática do que do discurso. Antes de aprovarmos as ideias, temos de ver se elas vão produzir os resultados desejados. Tenho as minhas dúvidas de que a Emenda 29 poderá produzir os efeitos que nós queremos. Mas o importante é que possamos aprová-la, que haja maioria na Câmara. Não podemos colocar em votação alguma coisa que possa vir a ser rejeitada.

Mendes Ribeiro líder do governo

Notícias - Veículo: Jornal do Comércio--- Segunda-feira, 04 de julho de 2011


Mendes Ribeiro líder do governo
A presidente Dilma Rousseff (PT) escolheu o deputado Mendes Ribeiro Filho (PMDB-RS) para ser o líder do governo no Congresso. Um dos articuladores da campanha de Dilma para a presidência, Mendes Ribeiro estava cotado para um cargo no governo desde a vitória da petista. Já esteve no páreo para o Ministério da Agricultura e para a Secretaria de Relações Institucionais. “O PMDB é o maior partido no Congresso e a presidente Dilma conhece muito bem o deputado Mendes Ribeiro”, afirmou o líder do PMDB na Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (RN).
Ouvir e trabalhar
“Ouvir, ouvir, ouvir e trabalhar, trabalhar, trabalhar.” Assim o novo líder do governo no Congresso Nacional, Mendes Ribeiro Filho, resumiu as prioridades e os desafios do novo cargo. Segundo ele, o trabalho vai ser de “desarmar espíritos e fazer o que é preciso para o Brasil”. Sobre as especulações, o deputado foi sucinto. “Eu fiquei quietinho e esperei. Tive paciência”.


Criar o clima
Mendes Ribeiro Filho já começa com muito trabalho. Para começar, os parlamentares querem a liberação de emendas parlamentares contingenciadas. Só no orçamento de 2011, são R$ 3 bilhões. O governo já liberou os restos a pagar de 2009, mas anunciou que não vai liberar recursos de emendas parlamentares até setembro. “Tem que criar o clima”, afirmou Mendes. Com o corte de R$ 50 bilhões e as eleições municipais de 2012 chegando, vai ser difícil criar o clima na base aliada

Os desafios do novo líder
O parlamentar gaúcho assume a liderança do governo num momento delicado nas relações entre Congresso e o Palácio do Planalto. É preciso auxiliar a ministra Ideli Salvatti (PT), das Relações Institucionais, na articulação. E além da liberação das emendas parlamentares, outra questão urgente são as nomeações para o segundo e terceiro escalões com os nomes oferecidos pelos aliados do governo. Ele terá que trabalhar para a construção de uma parceria de resultados, sem comprometer o projeto de austeridade financeira da presidente Dilma. Será muito difícil segurar o apetite dos aliados. Mas o parlamentar gaúcho tem todas as qualidades: sabe ouvir, sabe costurar acordos e é bom de tribuna.

Poder equivalente ao dever
A base aliada vê com esperança a escolha de Mendes Ribeiro Filho para a liderança do governo no Congresso. “A presidente Dilma começa a ver que a base tem mais partidos que o PT”, afirmou o deputado Alceu Moreira (PMDB-RS). Para ele, antes da escolha do líder, havia “uma base heterogênea e um governo homogêneo”. Mas ele admite que não será fácil. “O líder do governo precisa de um poder equivalente ao dever. Se ele não tiver isso, será desmoralizado.”
Outros nomes
Apesar de ter sido citado várias vezes, Mendes Ribeiro Filho não foi o único cotado para o cargo. Um dos nomes que surgiram para a liderança foi o do deputado Pepe Vargas (PT-RS). Ele negou qualquer movimentação do seu partido para emplacá-lo. E apoia Mendes. “É um bom nome, não temos restrição”.
* Edgar Lisboa

1 de jul de 2011

Eleições para o Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes
Dia 24/07/2011

Segue abaixo Locais de Votação
Lembrando que você vota para 2 conselheiros
01 – Escola Estadual de Ensino Médio Bento Gonçalves – Av. Rio Grande do Sul, 1055 – Bairro Mathias Velho; - 02 Urnas SEÇÕES 01;02




02 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Thiago Wuth - av. Rio Grande do Sul, 4240 – Bairro Mathias Velho; - 02 Urnas SEÇÕES 03;04



03 – Escola Municipal de Ensino Fundmaental João Paulo I – Rua São Pedro Pescador, 525 – Bairro Santo Operário; - 02 Urnas SEÇÕES 05;06



04 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Odete Yolanda Oliveira de Freitas – Rua Erechim, 2001 – Bairro Mathias Velho; - 02 Urnas SEÇÕES 07;08



05 – Escola Estadual de Primeiro Grau Professora Clotilde Batista – Rua Coronel Camisão, 415 – Bairro Harmonia; - 02 Urnas SEÇÕES 13;13



06 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Arthur Pereira de Vargas – Rua dos Cedros, 23 – Bairro Cinco Colônias; - 01 Urna SEÇÃO 14



07 – Unilasalle – Av. Vitor Barreto, 2288 – Bairro Centro; - 02 Urnas SEÇÕES 15;16



08 – Escola de 1º e 2º Graus Espírito Santo – Rua Tamoio, 3393 – Bairro Nossa Senhora das Graças;- 01 Urna SEÇÃO 26



09 – Colégio Estadual Marechal Rondon – Rua Santini Longoni, 147 - Bairro Marechal Rondon; - 01 Urna SEÇÃO 45



10 – Escola Estadual Guanabara – Rua Alegrete, 1359 – Bairro Niterói; - 01 Urna SEÇÃO 27



11 – Instituto Estadual de Educação Dr. Carlos Chagas – Rua santa Cruz, 1 - Bairro Niterói; - 02 Urnas SEÇÕES 28;29



12 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Santos Dumont – Rua Arthur Bernardes, 654 – Bairro Niterói; - 01 Urna SEÇÃO 30



13 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Farroupilha – Rua Alberto Bins, 160 – Vila Fernandes; - 01 Urna SEÇÃO 31



14 - Escola Estadual de Ensino Médio Érico Veríssimo – Av. Boqueirão, 1320 - Bairro Igara; - 02 Urnas SEÇÕES 36;37



15 - Escola Estadual de Ensino Fundamental Dr. Nelson Paim Terra – Rua Primavera, 1676 – Bairro Rio Branco; - 01 Urna SEÇÃO 17;18



16 - Escola Estadual de 1º Grau Bartolomeu de Gusmão – Rua Primavera, 515 – Bairro Rio Branco; - 01 Urna SEÇÃO 19



17 - Escola Municipal de Ensino Fundamental Barão de Mauá, Rua Cairú, 824 – Bairro Fátima; - 01 Urna SEÇÃO 20



18 - Escola Municipal de Ensino Fundamental Paulo VI – Av. Irineu de Carvalho Braga, 2781 – Bairro Fátima; - 01 Urna SEÇÃO 21



19 - Escola Municipal de Ensino Fundamental Erna Wurth – Av. 17 de Abril, s/nº - Bairro Gujauviras; - 02 Urnas SEÇÕES 38;39



20 - Escola Estadual de Ensino Médio Cônego Jose Leão Hartmann – Av. 17 de Abril, s/nº Bairro Guajuviras; - 01 Urna SEÇÃO 40



21 - Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Drumond de Andrade – Quadra X, S/nº Bairro Guajuviras; - 02 Urnas SEÇÕES 41;42



22 - Escola Municipal de Ensino Fundamental Planalto Canoense – Av. Vieira, 61 – Bairro Planalto Canoense; - 02 Urnas SEÇÕES 43;44



23 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Irmão Pedro – Rua Olavo Fernandes, 91 – Bairro Estância Velha; - 01 Urna SEÇÃO 32



24 - Escola Municipal de Ensino Fundamental Sete de Setembro – Estrada do Nazário, 1205 - Bairro Estância Velha; - 01 Urna SEÇÃO 46



25 – Escola Estadual de Ensino Médio Margot Terezinha Moal Giacomazzi – Rua Arroio do Sal, 55 - Bairro Jardim Atlântico; 01 Urna – SEÇÃO 47



26 – Escola Estadual de Ensino Médio José Gomes de Vasconcellos Jardim – Av. Santos Ferreira, 2983 – Bairro Estância Velha; - 01 Urna SEÇÃO 34



27 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Rio Grande do Sul – Rua Wenceslau Brás, 35 – Bairro Mato Grande; - 01 Urna SEÇÃO 22



28 – Colégio Estadual Miguel Lampert – Rua Dr. João Leivas de Carvalho, 461- Bairro São José; - 01 Urna SEÇÃO 48



29 – Escola Estadual de Ensino Fundamental Cristóvão Colombo – Rua Senador Salgado Filho, 250 – Bairro São Luis; - 01 Urna SEÇÃO 11



30 – Escola Estadual de Ensino Fundamental João XXIII – Rua santos Dumont, 1721 - Bairro Niterói;- 01 Urna SEÇÃO 33



31 – Escola de Ensino Médio Visconde do Rio Branco – Rua Pistóia, - Bairro Rio Branco; - 02 Urnas SEÇÕES 23;24



32 – Escola Estadual de Ensino Médio Teresa Francescutti – Av. Rio Grande do Sul, 3430 – Bairro Mathias Velho; - 01 Urna SEÇÃO 09



33 – Subprefeitura Nordeste – Rua Alexandre de Gusmão, 2080 – Bairro Estância Velha; - 01 Urna (NÃO HÁ NECESSIDADE DE COLOCAR URNA NESTE LOCAL)



34 - Subprefeitura Noroeste – Rua Candelária, 441 – Bairro Mathias Velho; - 01 Urna SEÇÃO 10



35 – Subprefeitura Sudoeste – Rua Edgar Fritz Muller, 430 – Bairro Rio Branco; - 01 Urna SEÇÃO 25



36 – Subprefeitura Sudeste – Rua Marechal Rondon, 100 – Bairro Niterói;- 01 Urna SEÇÃO 35



Totalizando 48 Urnas.



Veja como é o Pleito.
ELEIÇÕES DO CONSELHO TUTELAR


Locais de votação



ZONA ELEITORAL 170





Seção 01 – Escola Estadual de Ensino Médio Bento Gonçalves, Av. Rio Grande do Sul, 1055 – Bairro Mathias Velho – votam eleitores da Zona Eleitoral 170 das seções 01 a 09 da Escola Especial para Surdos Vitória, das seções 10 a 23, 121, 126, 132 e 158 da própria Escola, das seções 24 a 31 Escola Municipal Ceará.

Seção 02 - Escola Estadual de Ensino Médio Bento Gonçalves, Av. Rio Grande do Sul, 1055 – Bairro Mathias Velho – votam eleitores da Zona Eleitoral170 das Seções 44 a 52, 190,191 e 192 – Escola Municipal Rio de Janeiro, seções 53 a 57 e150 da Unidade de Ensino São João, Seções 93 a 97, Salão Paroquial da Igreja São Pio X.


Seção 03 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Thiago Würth, Av. Rio Grande do Sul, 4240 – Bairro Mathias Velho, votam os eleitores da Zona Eleitoral 170 das seções 32 a 43, da própria escola.


Seção 04 - Escola Municipal de Ensino Fundamental Thiago Würth, Av. Rio Grande do Sul, 4240 – Bairro Mathias Velho, votam os eleitores da Zona Eleitoral 170 das seções 119, 141, 157, 164, da própria escola, das seções 70, 118, 147, 155, 196 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Ministro Ruben Carlos Ludwig.


Seção 05 – Escola Municipal de Ensino Fundamental João Paulo I - Rua São Pedro Pescador, 525 - Bairro Santo Operário, votam os eleitores da Zona Eleitoral 170 da seção 181 a 186, da própria escola.


Seção 06 - Escola Municipal de Ensino Fundamental João Paulo I - Rua São Pedro Pescador, 525 - Bairro Santo Operário, votam os eleitores da Zona Eleitoral 170 da seção 187 a 189, 197, 206, 210, da própria escola.


Seção 07 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Odete Yolanda Oliveira de Freirtas – Rua Erechim, 2001 – Bairro Mathias Velho, votam os eleitores da Zona Eleitoral 170 das seções 123, 124, 127, 134, 138, 140, 144,169, 202 da própria escola.


Seção 08 - Escola Municipal de Ensino Fundamental Odete Yolanda Oliveira de Freitas – Rua Erechim, 2001 – Bairro Mathias Velho, votam os eleitores da Zona Eleitoral 170 das seções 90 a 92, 135, 146, 167, 203, da Escola Luterana São Matheus, das seções 193, 198, 204, 207, 211 da Escola Municipal Max Adolfo Olderich.

Seção 09 – Escola Estadual Teresa Francescutti, Av. Rio Grande do Sul, 3430 – Bairro Mathias Velho, votam eleitores da Zona Eleitoral 170 das seções 58 a 69 da própria escola, seções195, 201, 208, da Escola Municipal David Canabarro.


Seção 10 – Subprefeitura Noroeste – Rua Candelária, 441- Bairro Mathias Velho, votam os eleitores da zona Eleitoral 170 das seções 71 a 79, 122,128, 142, 154, 161, 209, da Escola Estadual São Francisco de Assis, seções 80 a 89,129, 149 da escola Estadual Dr. Victor Hugo Ludwig.


Seção 11 – Escola Estadual Cristóvão Colombo, Rua Senador Salgado Filho, 250 – Bairro São Luís, votam os eleitores da zona Eleitoral 170 seções 172 a 180, da própria escola.



ZONA ELEITORAL 66
Seção 12 – Escola Estadual de Primeiro Grau Professora Clotilde Batista – Rua Cel. Camisão, 415, Bairro Harmonia, votam os eleitores da Zona Eleitoral 66, das seções 21, 46, 62, 81,95,109, 133, 158, 183, 209, 234, 260, da própria escola.
Seção 13 - Escola Estadual de Primeiro Grau Professora Clotilde Batista – Rua Cel. Camisão, 415, Bairro Harmonia,votam os eleitores da Zona Eleitoral 66, das seções 03, 51, 85, 110, 147, 192, 237, 275, 327 da Escola Luterana Martin Lutero.


Seção 14 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Arthur Pedreira de Vargas – Rua dos Cedros, 23 – Bairro Cinco Colônias, votam os eleitores da Zona Eleitoral 66, seções 32, 184, 297, 308, 331, da própria escola, seções 304, 307, 315, 324, 334, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Gonçalves Dias, das seções 16, 42, 54, 75, 86, 99, 262, 283, 291, 296, 298, 300, 301, 302,312,316, 322, 326, da Escola Estadual Guilherme de Almeida.

Seção 15 – Colégio La Salle Canoas, Av. Vitor Barreto, 2288 – Bairro Centro, votam os eleitores da zona Eleitoral 66, seções 02, 41, 45,68, 96, 128, 142, 170, 187, 202, 219, 244, 265, 285, 310, 323, do próprio Colégio, Seções 24, 74, 131, 190, 230, da Soc. Bolão Gaúcho, seções 10, 67,126, 185, 235, do Clube Cultural Canoense, seções 34, 61, 140, 193, 225, 309, 333.


Seção 16 - Colégio La Salle Canoas, Av. Vitor Barreto, 2288 – Bairro Centro, votam os eleitores da zona Eleitoral 66, seções 34, 61, 140, 193, 225, 309, 333, Colégio Maria Auxiliadora, seções 20, 65, 134, 203, 284, Escola Estadual de E. Fundamental Canoas, seções 01, 70, 137, 195, 269, 318, da Escola Estadual André Leão Poente.


Seção 17 - Escola Municipal de Ensino Fundamental Nelson Paim Terra, Rua Primavera, 1676 – Bairro Rio Branco, votam os eleitores da Zona Eleitoral 66 das seções 09, 44, 69, 88,108,124, 152, da própria escola.


Seção 18 - Escola Municipal de Ensino Fundamental Nelson Paim Terra, Rua Primavera, 1676 – Bairro Rio Branco, votam os eleitores da Zona Eleitoral 66 das seções 173,196,210,220,239, 261,176, da própria escola.

Seção 19 – Escola Estadual de Ensino Fundamental Bartolomeu de Gusmão – Rua Primavera, 515 – Bairro Rio Branco, votam os eleitores da Zona Eleitoral 66, seções 29, 60, 101, 138, 165, 182, 205, 232, 263, da própria escola.
Seção 20 – Escola Municipal Barão de Mauá, Rua Cairú, 824 – Bairro Fátima, votam os eleitores da Zona Eleitoral 66, seções 13, 50,73, 89,105, 149, 197, 228, 254, da Escola Estadual Fátima.
Seção 21 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Paulo VI, Av. Irineu de Carvalho Braga, 2781 – Bairro Fátima, votam os eleitores da zona Eleitoral 66 seções, 04, 49, 64, 80, 90, 113, 156, 198, 222, 252 274, 317, 325, da Escola Estadual de Ensino Médio Guarani.
Seção 22 – Escola Municipal Rio Grande do Sul – Rua Wenceslau Brás, 35 – Bairro Mato Grande, votam os eleitores da Zona Eleitoral 66 das seções 30, 123, 176, 238, da própria escola, seções 39,250, da Escola Municipal Assis Brasil, 328,330, 335, 336, da Escola Municipal Marilene da Silva Machado.
Seção 23 – Escola de Ensino Médio Visconde de Rio Branco – Rua Pistóia, 664 – Bairro Rio Branco, votam os eleitores da Zona Eleitoral 66 das seções 14,66, 103, 141, 168, 200, 218, 256,299, 305, 319, da própria escola, seções 27, 157, 279, 313, 329, da Escola Municipal Pinto Bandeira.
Seção 24 - Escola de Ensino Médio Visconde de Rio Branco – Rua Pistóia, 664 – Bairro Rio Branco, votam os eleitores da Zona Eleitoral 66 das seções 23,71, 120, 148, 166, 189, 204, 214, 241, 246, 277, do Colégio da Imaculada, seções 08, 100, 181, 215, 255 da Escola Municipal General Osório.

Seção 25 – Subprefeitura Sudoeste – Rua Edgar Fritz Muller, 430, Bairro Rio Branco, votaram os eleitores da Zona Eleitoral 66 das seções 28,59,84, 115, 306, 332, da Escola Estadual Francisco Lisboa, seções 33, 97, 163, 207, 248, 311da Escola Estadual Alvaro Moreira.

ZONA ELEITORAL 134

Seção 26 – Escola de 1º e 2º Graus Espírito Santo, Rua Tamoio, 3393 – Bairro Nossa Senhora das Graças, votam os eleitores da zona Eleitoral 134, das seções 31, 52, 64, 83, 104, 129, 143, 166, 184, 206, 224, 295, da própria escola, das seções 35, 41, 74, da Escola Jasmelino Jardim, seções 08, 61, 97, 141, 188, 230, Escola Duque de Caxias, seções 17, 111, 183, 249 da Escola Jacob Langoni, seções 04, 80, 138, 187, da Escola Protásio Diogo de Jesus, 38, 175, 290, da Igreja Luterana, Com Evangélica de Canoas.


Seção 27 – Escola Estadual de Ensino Fundamental Guanabara – Rua Alegrete,1359, Bairro Niterói, votam os eleitores da Zona Eleitoral 134, seções 114, 132, 158, 186, 196, 208, 247, 251, 252,253,257, 288, da própria escola, seções 15, 100, 161, 218, 256, 294 da Escola Municipal Pernambuco.


Seção 28 – Instituto Estadual de Educação Dr. Carlos Chagas, Rua Santa Cruz, 1 – Bairro Niterói, votam os eleitores da Zona Eleitoral 134, seções 11, 44, 56, 67, 79, 91, 115, 128, 146, 162, 181,195, 213, 233, da própria Escola.


Seção 29 – Instituto Estadual de Educação Dr. Carlos Chagas, Rua Santa Cruz, 1 – Bairro Niterói, votam os eleitores da Zona Eleitoral 134, seções 01, 72, 112, 150,191, 289, do Colégio Luterano Concórdia, seções, 21, 62, 92, 125, 160, 201, Escola Estadual Barão do Amazonas.
Seção 30 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Santos Dumont, Rua Artur Bernardes, 654, Bairro Niterói, votam os eleitores da Zona Eleitoral 134, seções 48,68, 89, 106, 120, 135, 147, 163, 176, 189, 197, 214, da própria escola, Seção 36, 248, 293, da Escola de Ensino Fundamental São José.
Seção 31 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Farroupilha – Rua Alberto Bins, 160 – Vila Fernandes, votam os eleitores da zona Eleitoral 134, seções 102, 137, 165, 194, 250, da própria escola, seções 18,77, 136, 193, do Grêmio E.B. Getúlio Vargas, seções 16, 107, 146,292, do CESGAPA, das seções 20, 33, 127, 212, 228, da Escola Theodoro Borgen.
Seção 32 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Irmão Pedro, Rua Olavo Fernandes, 91 – Bairro Estância Velha, votam os eleitores da Zona Eleitoral 134, das seções 258 a 273, 286, da própria escola.

Seção 33 – Escola Estadual João XXIII – Rua Santos Dumont, 1721 – Bairro Niterói, votam os eleitores da Zona Eleitoral 134,seções 03, 53,81,116, 153, 192, 219, da própria escola.
Seção 34 – Escola de Ensino Médio José Gomes de Vasconcellos Jardim, Av.Santos Ferreira, 2983 – Bairro Estância Velha, votam os eleitores da zona Eleitoral 134 das seções 13, 26, 43, 49, 50, 65, 78, 113, 140,172, 198, 217, 234, da própria escola, seções 274 a 283, da Escola Municipal Rondônia, seções 284, 285, 287, 291, 296, da EscolaMunicipal Ildo Menegheti.
Seção 35 – Subprefeitura Sudeste – Rua Mal. Rondon, 100 – Bairro Niterói, votam os eleitores da Zona Eleitoral 134 das seções 12, 14, 45, 51, 54, 69, 76, 94, 96, 117, 139, 157, 178, 200, 225, 232, do Colégio La Salle São Paulo, seções 22, 30, 42, 60, 90, 124, 148, 177, 211,231 do Colégio La Salle Irmão Miguel – Niterói, seções 02, 07, 75, 93, 126, 149, 171, 199, 227, 254,da Escola Estadual Augusto Severo.
ZONA ELEITORAL 171
Seção 36 – Escola Estadual Érico Veríssimo – Av. Boqueirão, 1320 – Bairro Igara, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171, seções 18 a 23, 116, 161, 195, da própria escola, 69 a 72, da Escola de Ensino Fundamental Vicente Freire.
Seção 37 – Escola Estadual Érico Veríssimo – Av. Boqueirão, 1320 – Bairro Igara, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171, seções 24 a 29, 211, da Escola Municipal Castelo Branco, seções 73, 74, 167, do Salão paroquial São Cristóvão, seções 75, 76, 77, da Escola Estadual Padre Jaeger, seções 56 a 61da Escola Estadual Germano Witrock.
Seção 38 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Erna Würth – Av.17 de abril, s/nº - Bairro Guajuviras, votam os eleitores da zona Eleitoral 171, seções 152, 159, 162, 168, 172, 176, 186, 191, 198, 204,213, da própria escola, seções 85 a 89, 97, 102, 106, 111, 121, 130, 138, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Guajuviras.
Seção 39 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Erna Würth – Av.17 de abril, s/nº - Bairro Guajuviras, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171, seções 85 a 89, 97, 102, 106, 111, 121, 130, 138, da Escola Municipal de Ensino Fundamental Guajuviras.
Seção 40 – Escola Estadual de Ensino Médio Cônego José Hartmann, Av. 17 deabril,s/nº Setor 4, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171, seções 184, 209 da própria escola, seções 94, 107, 115, 117, 136, 142, 145, 149, 189, 197, 205, 214. Da Escola Estadual Professora Jussara Maria Polidoro.
Seção 41 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Dromond de Andrade – Rua 6,400, setor 5 – Bairro Gaujuviras, votam os eleitores da zona Eleitoral 171,seções 90 a 93,96,100, 103, 109, 114, 122, 125, 133, 134, 140, 144, 147, da própria escola.
Seção 42 – Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Drumond de Andrade – Rua 6,400, setor 5 – Bairro Gaujuviras, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171,seções 132, 143, 148, 155, 166, 171, 178, 192, 203, 212, da Escola Municipal Nancy Panseira.
Seção 43 – Escola Estadual de Ensino Fundamental Planalto Canoense, Rua Dr. Sezefredo Azanbuja Vieira, 61 - Bairro Planalto Canoense, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171, seções 95,156, 190, 202, 217,na própria escola, secos 108,141, 170, 200, da Escola General Neto.
Seção 44 – Escola Estadual de Ensino Fundamental Planalto Canoense, Rua Dr. Sezefredo Azanbuja Vieira, 61 - Bairro Planalto Canoense, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171, das seções 153, 169,196, 206, 216 da Escola Municipal Valter Peracchi Barcellos, seções 78, 79, 80, 99, 110, 124, da Unidade de Ensino Paz,
Seção 45 – Colégio Estadual Marechal Rondon – Rua Santini Longoni, 147 – Bairro Mal. Rondon, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171, das seções de 01 a 06, 135, 157, 177, 199, 208, Colégio Cristo Redentor, seções 30,65 da Escola Edgar Fontoura, das seções 179 a 183, Acadêmico, seções 07 a 17, 187 da própria escola
Seção 46 – Escola Municipal de Ensino Fundamental 7 de setembro, Estrada do Nazário, 1205 – Bairro Estância Velha, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171 das seções 48 a 51, 98, 113, 120, 151, 174, 193, da própria escola.
Seção 47 – Escola Estadual de Ensino Médio Margot Giacomazzi, Rua Arroio do Sal, 55, Bairro Jardim Atlântico, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171 das seções 101, 112, 119, 127, 137, 146, 154, 163, 173, 188, 194, 201, 215, da própria escola;
Seção 48 – Colégio Estadual Miguel Lampert – Rua Dr. João Leivas de Carvalho, 461 – Bairro São José, votam os eleitores da Zona Eleitoral 171 das seções 52 a 55, 129, 158,185, 207, da própria escola, seções 62 a 68 da Escola Estadual Vasco da Gama, 81 a 84 da Escola Ulbra São Marcos.

LUIZ AUGUSTO FAROFA DA SILVA
Presidente do COMDICA